8º Congresso da Central no RS reforça importância da unidade do Movimento Sindical

0
232
A mesa de abertura contou com o discurso de sindicalistas que representaram as entidades filiadas à Central no rio Grande do Sul e também de dirigentes da Nacional, pautando os temas que irão nortear as ações da Central pelos próximos quatro anos.
Em seu pronunciamento, Marcelo Furtado, presidente em exercício da Central até a ocasião, agradeceu a presença dos dirigentes da Força Sindical Nacional e do Paraná que prestigiaram o Congresso e assegurou que a Central está engajada em ações que buscam barrar a tentativa de retirada de direitos dos trabalhadores.
Representando as mulheres, a sindicalista Ivone Simas, que liderou a Secretaria de Políticas paras as Mulheres nos últimos quatro anos, fez um desabafo. “Nós enquanto mulheres trabalhadoras, não temos muito a festejar, já que estão tirando nossos direitos de ter um trabalho digno e também pela tentativa de esfacelamento da categoria comerciária. Mas acreditamos na Força Sindical, nos homens que dirigem essa Central, por isso pedimos que os companheiros negociem com o governo, que olhem pela classe trabalhadora e lute por ela”, disse.
Na sequência, o Secretário de Relações Sindicais da Força Sindical, Geraldino dos Santos, fez a leitura da composição da Chapa única inscrita para o 8º Congresso. Colocada em votação, a chapa foi eleita por unanimidade e empossada. Encerrando as atividades, o Presidente eleito, Cláudio Janta,  reforçou o compromisso com os trabalhadores.
“Daqui por diante temos uma missão muito difícil pela frente, que precisa de muita unidade e força de todos os trabalhadores. Já enfrentamos um histórico de muitas dificuldades no movimento sindical e o que vai nos permitir enfrentar mais esse momento é nossa força e determinação. Nós sempre defendemos que os trabalhadores tem que ter melhor condições de trabalho e uma vida digna para suas famílias, mas o que se vê é a precarização. Queremos ver condições iguais em todos os setores por isso nossa luta ainda vai continuar. A nossa união vai ser a nossa grande força rumo ao 8º congresso da Força Sindical.
Autoridades que compuseram a mesa de trabalhos 
Presidente da Federação dos Químicos de SP e 1º Secretário da Força Sindical, Sérgio Luiz Leite ; Secretário de Relações Sindicais da Força Sindical,  Geraldino dos Santos; Secretário de Finanças, Ademir Lauriberto Ferreira; Presidente da Força Sindical do Paraná, Sérgio Butka; Diretora de Seguridade Social e Segurança do Trabalho da Fetracos-RS, Janete Porto; Presidente do Sindec-POA e Secretário de Relações Internacionais da Força Sindical, Nilton Neco; Presidente do Sindnapi,  João Inocentini; Secretário  Adjunto de Relações Sindicais- Márcio Villalva; Secretária dos Servidores Públicos da Força Sindical-RS, Izabel Garcia; Presidente da FeSenalba/RS, Antônio Johann; Presidente me exercício da Fetracos-RS, Dionísio Mazuí; Presidente da Federação dos Metalúrgicos do RS, Élvio de Lima e Presidente da Fenatec, Edson Feijó.
Fonte: Imprensa da Força Sindical RS.

Deixe uma resposta