Dirigentes dos Químicos de Rio Claro discutem mapeamento da desigualdade racial no Brasil

0
117

No dia 12 de julho, Francisco Quintino e Djalma de Paula, respectivamente, presidente e diretor do Sindicato dos Químicos de Rio Claro, participaram de reunião da PRE-SP (Procuradoria Regional Eleitoral de SP), no âmbito do Ministério Público Federal, para discutir o mapeamento do grau de desigualdade racial no Brasil.

“Percebemos, no dia a dia, enormes dificuldades de inserção dos negros na sociedade e nos diversos espaços sociais. O mapa da desigualdade apresentado pela Procuradoria traz situações graves. Além do estudo, considero de fundamental importância o apoio da Procuradoria em somar conosco para combater distorções sociais que atingem negativamente negros e negras, especialmente no campo ideológico, político e partidário”, declara Quintino, que também é presidente do INSPIR pela Força Sindical.

De acordo com a Procuradoria, a desigualdade racial, evidenciada na sub-representação dos negros na política, desde as câmaras municipais até o Congresso Nacional, será retratada em diversos graus e dimensões no Mapa da Desigualdade Racial.

Durante a reunião, foi discutido o aprimoramento da metodologia para a criação dessa ferramenta que mostrará a desigualdade racial na política, principalmente detalhando essa realidade nos municípios. Isso está sendo feito por meio de cruzamento de dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Fonte: Com informações da Assessoria da Procuradoria Regional Eleitoral em São Paulo.

Deixe uma resposta